Salvador tem menor taxa de ocupação em leitos por Covid-19 já registrada

Salvador tem menor taxa de ocupação em leitos por Covid-19 já registrada
A fase dois de retomada das atividades econômicas já deverá acontecer a partir da próxima segunda-feiraFoto: Valter Pontes | Secom

Salvador teve uma boa notícia na tarde desta quinta-feira, 6. Pela primeira vez, desde que o percentual passou a ser calculado, no início de maio, a capital baiana registrou uma queda para 60% na ocupação dos leitos de UTI exclusivos para pacientes com a Covid-19.

Com isso, a fase dois de retomada das atividades econômicas já deverá acontecer a partir da próxima segunda-feira, 10. Para que a reabertura possa acontecer, a cidade precisava manter um período de 5 dias com a taxa abaixo de 70%.

Teoricamente, o ciclo de cinco dias com o respectivo percentual se encerraria nesta quinta. No entanto, o prefeito ACM Neto prorrogou o retorno para evitar aglomerações em bares e restaurantes no Dia dos Pais

No dia 30 de julho, a taxa de ocupação de leitos de UTI para pacientes com diagnóstico positivo para coronavírus foi de 68%. Um dia depois, o registro subiu para 70%. No dia 4 de agosto, a taxa voltou para 68%.Na quarta-feira, 5, o percentual caiu para 67% e, nesta quinta-feira, 6, fechou em 60%.

Na fase dois, poderão reabrir, mediante a obediência dos protocolos geral e específico, academias de ginástica e similares; barbearias, salões de beleza e equivalentes; centros culturais, bibliotecas, museus e galerias de arte; lanchonetes, bares e restaurantes.

1 comment

Últimas Notícias

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *

1 Comment

  • FLAVIO BEZERRA
    6 de agosto de 2020, 20:59

    ESSE PREFEITINHO NÃO DEVE SÓ SE PREOCUPAR COM TAXA DE OCUPAÇÃO DE UTI. DEVE SE PREOCUPAR COM OS NOVOS CASOS DE CONTAMINADOS QUE NÃO DIMINUEM EM SALVADOR. NEM TODO MUNDO QUE SE CONTAMINA NECESSITA DE ATENDIMENTO EM UTI, MAS ESSE SIM PODE SAIR CONTAMINADOS VARIAS PESSOAS.

    REPLY