Em apenas 36 horas, Cimatec Park monta linha de envasamento de álcool líquido 70

Em apenas 36 horas, Cimatec Park monta linha de envasamento de álcool líquido 70
Álcool deve começar a ser envasado nesta terça-feiraFoto: Reprodução | Senai

O Senai Cimatec Park montou, em apenas 36 horas, uma linha de envasamento de álcool líquido 70 a pedido do Governo do Estado. O material será distribuído no sistema público de saúde da Bahia. A iniciativa faz parte de uma força-tarefa conduzida pelas secretarias de Desenvolvimento Econômico (SDE) e do Planejamento (Seplan), com apoio de empresas.

A linha de montagem também tem a capacidade de fazer a diluição de álcool com outras concentrações. A unidade está em fase final de testes e a expectativa é envasar o álcool na terça-feira, 24, e fazer a entrega do primeiro lote na sexta-feira, 27. 

“No nosso Cimatec Park, em Camaçari, fizemos uma adaptação do galpão ligado à biotecnologia, fármacos e produção de cerveja. Construímos, literalmente em 36 horas, uma linha de envasamento de álcool 70 toda em inox, com um tanque de recebimento de 2 mil litros. Com isso, a produção será por batelada e este tanque alimenta a linha que tem os pontos de envase. Contratamos 30 pessoas para esta operação e estamos contando com o apoio do corpo de bombeiros, que vai ser responsável pela segurança”, destacou o diretor do Senai Cimatec, Leone Andrade. 

Segundo o secretário estadual do Planejamento, Walter Pinheiro, a produção deste álcool é fundamental para o enfrentamento da Covid-19. Ele agradeceu o apoio recebido do setor industrial e empresarial. “Esta é uma operação de várias frentes, com o envolvimento do setor sucroalcooleiro, que está doando o álcool, de empresas que estão doando as vasilhas, os rótulos, as embalagens de papelão, além daquelas na área de logística. Então temos muito que agradecer o envolvimento de todos nesta força-tarefa”, pontuou.  

O álcool líquido 70, completou Pinheiro, é importante para a assepsia e desinfecção dos diversos ambientes de unidades de saúde. “Imprescindível para limpeza de superfícies como cadeiras, bancos, mesas, maçanetas, ferragens e louças de sanitários, além de toda parte de utensílios médicos e das salas de UTI, como macas e todas as demais superfícies que precisam de assepsia constante, como aparelhos hospitalares e camas”, disse.

O presidente da FIEB, Ricardo Alban, informou que o apoio do Cimatec às diversas ações dos poderes públicos, especialmente ao plano de enfrentamento do governo ao coronavírus, faz parte de uma mobilização de toda a indústria baiana diante da crise. Nos próximos dias, a rede pública de saúde da Bahia vai receber 190 mil litros de álcool à 96% doados por usinas sucroalcooleiras que operam no estado. Com a diluição para 70%, a Bahia terá cerca de 260 mil litros para distribuir.

3 comments

Últimas Notícias

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *

3 Comments

  • Efrain jr
    22 de março de 2020, 15:18

    Parabéns ao governo do estado… o governador Rui Costa demonstra postura esperada de um líder nesse momento…. 👏👏👏👏👏👏🙌🙏

    REPLY
  • Pablo
    22 de março de 2020, 17:46

    Demorará 1 semana para começar a distribuir e ainda acha que fez algo bom? Nossa.. É um total disparate.

    REPLY
    • Conceição @Pablo
      23 de março de 2020, 00:14

      Obrigada Governador, aliás, parabéns aos governadores do nordeste por estarem tomando a frente na luta contra essa grave ameaça. O Governo Federal não está empenhado em nos proteger, ;pelo contrário, está contando com a faxina social que essa "gripezinha" (segundo o genocida do planalto) pode fazer.

      REPLY