AstraZeneca informa à Anvisa que pedirá uso emergencial de vacina

AstraZeneca informa à Anvisa que pedirá uso emergencial de vacina
Prazo para análise de uso emergencial é de até 10 dias, tempo que passa a contar da formalização do pedidoFoto: Peter Ilicciev | Fiocruz

A AstraZeneca sinalizou em reunião com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) que vai pedir para aval do órgão para o uso emergencial do imunizante no Brasil. A informação foi divulgada em nota da agência nesta quarta-feira, 30. O pedido, deve ser feito pela Fiocruz.

Segundo a Anvisa, a previsão foi discutida durante o encontro, que reuniu a diretoria da agência e do laboratório. “Sobre a submissão da autorização para uso emergencial da vacina, foi informado que o pedido será feito pela Fiocruz, que é o laboratório nacional parceiro da AstraZeneca no país para esta vacina”, informou a agência.

A vacina de Oxford, como é conhecida, é a principal aposta do governo brasileiro para vacinação no país. Em junho, o Ministério da Saúde firmou um acordo com a AstraZeneca para obter 100,4 milhões de doses, em parceria com a Fiocruz.

Ainda não há informação, porém, de quando será feito o pedido. Atualmente, a empresa já participa de um processo chamado de submissão contínua, o qual prevê o envio de dados sobre a vacina em etapas, até que haja o pedido formal de registro.

O prazo para análise de uso emergencial é de até 10 dias, tempo que passa a contar da formalização do pedido.

Últimas Notícias

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *