ACM Neto prorroga decretos que suspendem comércio e fala em retomada gradual

ACM Neto prorroga decretos que suspendem comércio e fala em retomada gradual
Protocolo de retomada gradual será feito em conjunto com o Governo do EstadoFoto: Divulgação | Secom

Os decretos que suspendem diversas atividades comerciais em Salvador, que venceriam nesta terça-feira, 30, foram prorrogados por mais sete dias, devido a pandemia de Covid-19. Segundo anúncio feito pelo prefeito ACM Neto, em coletiva virtual na manhã desta terça, até o próximo dia 7, deverá ser apresentado um protocolo conjunto entre a administração municipal e o governo do Estado para garantir a retomada gradual das atividades.

De acordo com ACM Neto, o protocolo conjunto está sendo discutido desde a semana passada e está em fase de ajuste dos detalhes finais.

“Não tenho dúvida que é o melhor para a cidade, para o estado, para os profissionais, para o cidadão em geral. Até porque regras distintas podem causar confusão, a exemplo que vem acontecendo em outras capitais do país. Como as convergências (entre os planos) são infinitamente superiores às dúvidas, estamos convencidos de que vamos conseguir construir uma iniciativa comum em benefício do cidadão e das pessoas diretamente afetadas pela pandemia”, destacou ACM Neto.

O gestor destacou que a ação será realizada de forma lenta, gradual e progressiva, visando não colocar a perder as conquistas alcançadas. O protocolo conjunto ainda dependerá de alguns indicadores para ser aplicado, como velocidade de transmissão do coronavírus, do número de casos, de ocupação dos leitos clínicos e de UTI e de sepultamentos ocorridos na cidade.

3 comments

Últimas Notícias

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *

3 Comments

  • Marcos Bacelas
    30 de junho de 2020, 19:13

    SE VOCÊ JÁ TIVESSE TOMADO A ATITUDE CORRETA, O COMÉRCIO E A ECONOMIA JÁ PODERIA TER RETOMADO. VOCÊ COM ESSAS MEDIDAS PÍFIAS DE RESTRIÇÕES EM BAIRROS FEZ COM QUE O NÚMERO DE CASOS AUMENTASSE. SE VC TIVESSE FEITO O LOCKDOWN GERAL LOGO NO INÍCIO, TODO MUNDO JÁ TERIA RETORNADO AOS TRABALHOS.

    REPLY
    • Paulo@Marcos Bacelas
      1 de julho de 2020, 15:25

      Concordo. Deveriam fazer como na Itália. Lockdown irrestrito por pelo menos 15 dias seguidos e, se não resolvesse, prorrogaria por mais 15 dias. Com certeza nós não estaríamos nesse vai e volta estressante que já dura 3 meses.

      REPLY
  • Paulo
    1 de julho de 2020, 16:43

    Anão fascista

    REPLY