Em meio à pandemia, Fecomércio-BA projeta queda de 5,6% nas vendas de Páscoa

Em meio à pandemia, Fecomércio-BA projeta queda de 5,6% nas vendas de Páscoa
Expectativa é que as vendas sejam baixas Foto: Fernando Vivas | Ag. A TARDE

Em meio à pandemia do coronavírus, a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado da Bahia (Fecomércio-BA) refez a projeção de mercado para as vendas no período da páscoa. A projeção que antes apontava um crescimento de 4,9% agora projeta uma queda de de 5,6% nas vendas.

A expectativa de faturamento era de R$ 72,6 milhões, agora estima-se que mercado de varejo tenha um prejuízo de R$ 7,25 milhões.

De acordo com Guilherme Dietze, consultor econômico da Fecomércio-BA, a crise causada pelo Covid-19, muda a ordem de prioridade entre as famílias, produtos considerados supérfluos, como o chocolate, passar a ficar em segundo plano, dando espaço as compras diárias em supermercados e farmácias.

“Com o isolamento social, as famílias estão priorizando o consumo em farmácias e supermercados, sobretudo, naqueles produtos de consumo básico do dia a dia. Assim, o chocolate passa a não ser listado nas prioridades de compras neste momento”, explica.

Últimas Notícias

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *